September 16, 2018

November 5, 2017

July 18, 2017

Please reload

Posts Recentes

O Fígado

November 5, 2017


Hoje quero compartilhar um trecho do livro o Manual do Herói, que fala de forma simples sobre o Fígado e o olhar da Medicina Chinesa, diferente do que estamos habituados devido nossa cultura e Medicina Ocidental e que pode causar dúvidas e questionamentos. A Medicina Chinesa observa nossos órgãos de forma ampla, que vai além das disfunções em que estamos habituados,  e com as emoções que podem atingir esse órgão. Por isso temos que lembrar que quando somos alertados para os cuidados com o nosso Fígado não necessariamente  o órgão já está comprometido, mas sua função ou emoção, que poderá caso não seja tratado preventivamente realmente levar a um dano maior. Boa Leitura!

"Deitou bom, acordou emperrado - costas presas, pescoço duro, braço bobo. Capengou até o banheiro, achou aquela aspirina americana que era tiro-e-queda, tomou logo duas, e nada: nem tiro, nem queda. Depois do café engoliu mais duas. Nenhum efeito. De tarde foi ao médico: injeção, comprimido caro, botou a maior fé! E à noite achou que ia morrer. Morrer torto, sem entrar direito no caixão. Dia seguinte tirou todas as radiografias possíveis, e o que encontrou? Nada, apesar de tudo. No terceiro dia já estava desesperado, achando que viver daquele jeito era ainda pior do que morrer. Foi aí que a ex-sogra telefonou falando do massagista japonês que fazia milagres. Ele imaginou socos, agulhadas traiçoeiras, golpes mortais de caratê, tremeu de medo, mas quem sabe adiantava? Socos, agulhadas, golpes de caratê, dores e dores e dores - mas não é que melhorou? Japonês mandou voltar no dia seguinte. Na porta, domo arigatô, emendou: - E vê se pára de abusar desse fígado, que ele não é de ferro! Fígado? Ué. Que comentário mais disparatado, pensou. Mas dormiu bem e acordou mais solto, quase bom. Japonês danadinho! Chegou lá, danadinho meteu a mão: torceu, estalou, futucou, agulhou, queimou, mandou voltar em dois dias, arigatô, reforçou: - E o fígado, já está cuidando melhor dele? Fígado. Que diabos queria o japonês dizer com isso? Desconcertado, foi ao Aurélio ler que "fígado é uma víscera glandular volumosa situada predominantemente no hipocôndrio direito, com pequena parte no epigástrio e hipocôndrio esquerdo, que desempenha funções tais como secreção da bílis, modificação de medicamentos, produção de glicogênio, e outras". Grande coisa. Podia estar escrito lá que isto é bom para o fígado, aquilo é ruim para o fígado, chá de boldo por exemplo ele se lembrava da tia tomar sempre e não comer gorduras nem beber álcool de jeito nenhum porque sofria do fígado. Pobre tia, morreu do coração. Mistérios. Pensava nisso enquanto jantava ovos com bacon e tomou mais uma cerveja à saúde dos antepassados. 5 Na consulta seguinte, reparando melhor na decoração do consultório, viu uns mapas do corpo humano cheio de linhas, pontinhos, letras e números. Identificou alguns lugares que o japonês agulhava ou queimava: F3 no pé, F9 na perna. Na primeira chance perguntou o que significavam aqueles códigos. - Fígado!, respondeu o japonês. Nosso herói calou-se para sempre. Porque o homem certamente punha as costas no lugar, mas em matéria de fígado era no mínimo um neurótico."

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2023 por I´Melissa. Orgulhosamente criado com Wix.com

Ligue:

11-98219.1418

  • w-facebook
  • w-googleplus
  • W-Pinterest

Fone: (11) 98219.1418